sábado, 9 de fevereiro de 2019

Marie Kondo: Antes e Depois - Ordem na Casa e nos Cosméticos

Compartilhe:
Quem é Marie Kondo - Veja nosso Antes e Depois

Quem é Marie Kondo e por que ela está na minha lista de sugestões da Netflix?



Talvez você tenha chegado aqui de paraquedas e esteja se perguntando quem é Marie Kondo?

Marie Kondo é uma organizadora profissional japonesa e autora de livros sobre o assunto.

Recentemente - em parceria com a gigante de streaming Netflix - a guru da arrumação protagonizou o reality-show (no melhor estilo antes e depois) chamado Ordem na Casa com Marie Kondo.

Ao bater os olhos na lista de sugestões da Netflix me fiz a mesma pergunta que abriu esse post: Quem é Marie Kondo?

Depois de contemplar o resultado (e o antes e depois) do primeiro episódio, dá para ter uma boa ideia de como o esquema de organização de Marie Kondo funciona.

O método inventado pela autora chama-se KonMari.



KonMari: Ordem na Casa com Marie Kondo


Marie Kondo tem dois livros traduzidos para o português, onde toda a filosofia de organização dela é detalhada (inclusive em figuras no caso do Isso me traz alegria¹).

Mas, em 2019 a Netflix nos presenteou com um original que acompanhou Marie Kondo visitando famílias e ajudando-as com suas dificuldades de organização.

Depois de ter visto o reality-show e lido os livros, posso dizer que a essência do método KonMari está todinha no original da Netflix, indico os livros com certeza, mas, se neste momento não for possível lê-los, o Ordem na Casa com Marie Kondo dá conta de passar os principais norteadores.


Ordem na Minha Casa: Arrumando cosméticos com Marie Kondo


A primeira lição aprendida com Marie Kondo é que antes de guardar as coisas é preciso definir o que irá ficar e aquilo que vai embora.
O segredo do sucesso na arrumação é, primeiro, terminar o descarte.¹
Marie Kondo Ordem na Casa
Mas é importante não se focar no que vai embora, e sim no que fica. Mas como escolher o que fica?

Junte todos os itens daquela categoria que você está organizando (falaremos das categorias já, já) e segure cada peça e questione-se: isso me traz alegria?

Isso fica claro em momentos da série em que Marie Kondo não apenas pergunta às pessoas se os objetos que elas estão segurando trazem alegria, como respeita as respostas, mesmo quando algumas delas decidem ficar com objetos que outros organizadores profissionais insistiriam em descartar.

Marie Kondo dá uma lição tremenda de empatia, ela é expert em organização, mas na hora de decidir o que traz alegria cada um é expert de si mesmo.
imagine viver num ambiente que só contenha coisas que lhe dão alegria. Não é esse o estilo de vida dos seus sonhos?²
Voltando à pergunta (isso me traz alegria?): Quando a resposta à pergunta for: sim isso me traz alegria, o objeto continua com você (e deverá ser guardado posteriormente em local adequado).

Quando a resposta for negativa, Marie Kondo preconiza que antes de descartar o objeto você agradeça as lições que aprendeu com ele.
Ao se desapegar de coisas que faziam parte de sua vida com um sentimento de gratidão, você demonstra seu reconhecimento e o desejo de cuidar melhor de si mesmo.¹



Entre Antes e Depois existe o durante


Marie Kondo surpreende em Ordem na Casa porque várias vezes afirma em primeiros contatos com as famílias: Eu amo bagunça!

Acho que isso também ensina uma lição valiosa, não se prenda ao objetivo, ame também o processo.

Acredite na gente, existem 2 casas diferentes quando falamos de Marie Kondo, antes e depois.

O processo de arrumação de Marie Kondo defende que ao invés de arrumar a casa por cômodos você deve organizá-la por categoria.
Se você guarda objetos do mesmo tipo em lugares diferentes e arruma um cômodo de cada vez, nunca terá uma dimensão real da quantidade de itens iguais que possui. Para evitar isso, organize por categoria e não por localização.
A ordem que Marie Kondo sugere para esta arrumação por categorias é:

  1. Roupas
  2. Livros e Papéis
  3. Komono
  4. Itens de valor Sentimental

Komono é a palavra japonesa que engloba diversos itens, comumente traduzido como miscelânea.

Basicamente, para Marie Kondo, se não for roupa, documentos ou itens de valor sentimental... é komono.

É nessa categoria que se encaixam os cosméticos, é da organização deste komono em especial que vamos falar a partir de agora.

Já assistiu Felicidade por um Fio na Netflix? Leia a Resenha Crítica que escrevemos com a Mille, o filme fala sobre cabelo natural e transição.

Meu Komono: Marie Kondo - Antes e Depois (Netflix, gratidão!)


Marie Kondo - Antes e Depois (série da Netflix)

Agora que já sabemos quem é Marie Kondo e no que consiste o KonMari, que tal aplicá-lo na organização dos cosméticos que temos em casa?

Parte do meu trabalho no Cabeleira em Pé envolve testes e eventuais resenhas de produtos, então antes de avaliar o que me traz alegria, eu separei produtos que ainda não fazem parte do meu acervo pessoal.

Como são produtos a serem testados, não cabe a mim - neste momento - definir se ficam ou se vão... Eles são itens de trabalho e por isso foram separados em uma caixa à parte que ficará no escritório.

Primeira etapa cumprida. Demorou um pouco... Será que esse antes e depois do método da Marie Kondo sai ainda hoje?

Fiz uma montanha com os produtos de cabelo que estavam guardados em 8 (OITO!) pontos diferentes da casa (incluindo o box) e avaliei cada um deles me perguntando se eles me trazem alegria.
Quantos frascos de xampu e condicionador há no seu box? Às vezes as mulheres mantêm produtos de várias marcas diferentes, para usar em dias alternados; há também aquelas máscaras para tratamento semanal; isso sem contar que, muitas vezes, outros membros da família têm os próprios produtos.²
Separados os produtos que ficam e que vão, Marie Kondo levanta dois pontos importantes sobre os komonos de higiene e beleza.

O primeiro é que produtos que não são usados em todos os banhos não precisam ficar no banheiro.

Já falamos disso no Cabeleira em Pé, o banheiro nem é o melhor lugar para guardar produtos de beleza, pois é uma área muito úmida.

9 Motivos pelos quais seus produtos não fazem efeito no seu cabelo.

O segundo ponto é que produtos cosméticos tem data de validade.

Marie Kondo sugere que se você se livre do seu estoque de amostrinhas - agradeça às que forem embora e use o quanto antes as que ficaram com você, isso porque a validade destas amostras costuma ser curta em virtude da quantidade reduzida em cada sachê.

Ok... Vou priorizar o uso das amostras nos próximos dias e acabar com elas - anotado! Vou tirar os produtos que estão em uso no banheiro para lembrar de usar as amostras.

Ainda pensando na validade dos produtos (e com a certeza de que não tenho como organizá-los em uma caixa só, resolvi agrupar os produtos que me trazem alegria por data de vencimento, dessa forma priorizo os que estão mas próximos do vencimento.

Usando um caixa organizadora e algumas caixas de papelão que encapei com papel de parede, consegui organizar o komono de produtos de cabelo da seguinte forma:


  1. Uma caixa de produtos cujas resenhas estão sendo produzidas (decidi não deixá-los no escritório, para tentar concentrar este komono apenas no banheiro e no quarto)
  2. Saches de amostras para serem usados imediatamente em uma caixinha no banheiro
  3. Produtos de uso diário no box (shampoo, cowash e condicionador)
  4. Cremes para pentear que estou usando em uma caixinha embaixo da pia.
  5. No guarda-roupas uma caixa por ano (ou semestre) de vencimento, devidamente identificada.
Marie Kondo, antes e depois como esse é para agradecer em pé: Arigatou Gozaimasu.

Não deixe de interagir conosco na sua rede social favorita: 

Também quero um antes e depois como esse? Onde encontrar Marie Kondo?


A série Ordem na Casa com Marie Kondo pode ser encontrada na íntegra no serviço de streaming Netflix.

Os livros A mágica da Arrumação² e Isso me traz Alegria¹ estão disponíveis em versões impressas e ebook e fazem parte do acervo da editora Sextante.

Lembre-se que mesmo se você não aplicar o método KonMari, certamente poderá tirar dele lições importantes, como a ideia de que se pode gostar de coisas opostas (Marie Kondo gosta de bagunça e de ordem), de que a vida é mais prazerosa quando se está cercado de coisas que trazem alegria e que mesmo quando nos desfazemos de algo é preciso mostrar gratidão.





__________

Referências


¹ Kondo, M. (2016). Isso me traz alegria: Um guia ilustrado da mágica da arrumação. (Sextante, Ed.).
² Kondo, M. (2015). A mágica da arrumação: A arte japonesa de colocar ordem na sua casa e na sua vida. (Sextante, Ed.).
* Imagens do site de Marie Kondo e da Editora Sextante