terça-feira, 30 de agosto de 2016

Resposta ao Artigo "Shampoo sem parabenos e sulfato faz mal aos cabelos" da Caras

Compartilhe:
Qual o melhor tipo de shampoo? com ou sem sulfato? com ou sem parabenos?

Quem já está fazendo No Poo (Sem Shampoo) e Low Poo (Shampoo Leve) há mais tempo já se acostumou com aquelas matérias que aparecem de tempos em tempos em portais de notícias, sabendo as manchetes de cor: "Petrolatos não fazem mal" diz um, "Não se pode viver sem shampoo" diz outro.

A vida segue e assim seguimos nós sem shampoos e sem petrolatos.


Esta é a segunda carta-resposta escrita pelo Cabeleira em Pé, a primeira foi mais trabalhosa. Confira neste link a Resposta ao artigo "O uso do petrolato e de outros derivados de petróleo nos cabelos" do Cosmética em foco.

A bola da vez é um texto da Caras.com.br e o material pode ser lido na íntegra aqui.

Como no nosso outro artigo de direito de resposta, este aqui seguirá a mesma lógica: apresentaremos os principais argumentos do texto em caixinhas cinza, seguidos de nossas considerações.

Shampoo sem Parabenos e Sulfato fazem mal aos cabelos, será?


PARABENOS: Fazem mal? Dá câncer? Provoca Alergia? É um desregulador endócrino? Mimetiza o estrogênio? Penetra no corpo através da pele? Faz mal pro meio ambiente? Descubra neste link.

Uso diário deles [parabenos e sulfato] é indispensável, mas cortar produtos feitos à base destes compostos químicos vai ressecar os fios e deixá-los mais secos. 

Podemos afirmar que ambos os insumos (Parabenos e Sulfatos) são substituíveis por alternativas mais modernas e menos agressivas - tornando-os bastante dispensáveis.

Existem no mercado surfactantes que (por terem cadeias carbônicas mais longas) não causam tanto dano e alergia quanto os Sulfatos, ressecando menos os fios do que os surfactantes tradicionais (sulfatos).

Os Parabenos, por sua vez, são uma classe de conservantes, existem muitos outros agentes antimicrobianos e antifúngicos menos polêmicos que podem substituí-lo sem grande esforço.

Clique nesse link para dicas de Produtos para o cabelo sem Parabenos.

Uma nova tendência no mundo da beleza está em alta. A "moda" agora é usar shampoos e condicionadores sem parabenos e sulfatos, substituindo eles por produtos mais naturais e eco friendly.

Existe realmente uma tendência no mercado de beleza que direciona a pesquisa de seus insumos para produtos menos agressivos.

Os produtos estão ficando cada vez mais alinhados com o pensamento de seus clientes que passaram a se informar mais sobre o que põe em contato com sua pele e cabelos.

A Factor-Kline divulgou as tendências para insumos cosméticos para os próximos anos. Confira neste link.

Achamos a escolha do termo "moda" bastante infeliz.

Os produtos sem Parabenos são uma realidade há muitos anos já que - além de muitas pessoas serem alérgicas a esta classe de conservantes - as pesquisas ainda não conseguiram entrar em consenso sobre a relação entre parabenos e câncer (como o de mama). ³

Na Europa em 2012 (quatro anos atrás) a Comunidade Europeia, recomendou a redução da concentração máxima dos derivados propilparabeno e butilparabeno pela metade em função de evidências toxicológicas.³

Através da Public consultation on Parabens in  the framework of Regulation, os europeu propuseram que os parabenos dos tipos isopropilparaben, isobutilparaben, fenilparaben, benzilparaben e pentilparaben fossem banidos e que a segurança dos derivados propilparaben e butilparaben fosse reavaliada.³
Não é porque alguém descobriu os cosméticos sem parabenos hoje que isso se torna moda. Isso só faz desse alguém uma pessoa desinformada.

Nem todo o produto sem sulfato é eco-friendly. A maior parte das pessoas que recorre aos produtos sem sulfatos, o faz por uma questão de preservação dos fios, já que os sulfatos causam danos aos mesmos (nos estenderemos mais sobre isso mais adiante).

É possível agredir menos o meio ambiente fazendo Sem Shampoo e Shampoo Leve. Aqui falamos de algumas 
 Vantagens de aderir às técnicas.

Todavia, estes dois [sulfatos e parabenos] são essenciais para a beleza e saúde dos fios, principalmente para quem tem cabelos ressecados e tingido (sic)

Parabenos não têm influência estética nenhuma nos cabelos portanto não são essenciais para a beleza e saúde dos fios. Eles apenas garantem que o produto não estrague na prateleira.

Os cabelos ressecados e/ou quimicamente tratados são mais susceptíveis a perdas de proteínas pois a cutícula de suas hastes já está danificada de forma irreversível. O uso de sulfatos agressivos como o Sodium Lauryl Sulfate (SLS) aumenta ainda mais este tipo de dano à queratina presente nos fios, devendo ter seu uso evitado.

Higienização Sem Sulfatos


  " O sulfato é essencial para limpar bem o couro cabeludo. É importante que os fios sejam limpos desde o couro, devido ao suor e poluição do ambiente, portanto, não indico que seja abolido totalmente. No entanto, ele também não precisa ser usado diariamente. Lave os fios de dois em dois dias e alterne com produtos sem sal. Assim, eles ficarão mais leves e sofrerão menos agressão”, comenta a terapeuta capilar Ana Paula Nesi, do Studio Sonia Nesi.

O papel do shampoo é - principalmente - a higienização do couro cabeludo, concordamos com esta afirmação da terapeuta capilar. Mas os surfactantes agressivos como o Sodium Laureth Sulfate (SLES) não são os únicos tensoativos no mercado.

O uso de produtos sem sal (que nem sempre são sem-sulfato) é indicado para cabelos quimicamente tratados. Os cabelos que não sofreram nenhum dano não apresentam nenhuma alteração quando tratados com shampoos sem sal em relação aqueles higienizados com shampoo com sal (NaCl).¹

Se a intenção é de agredir menos os fios, a alternativa mais sensata é a substituição dos sulfatos por alternativas menos agressivas.

Em relação aos parabenos, eles são necessários para livrar os produtos da ação dos microorganismos: “O que indico é que use os shampoos em pouca quantidade e apenas no couro cabeludo. Não esfregue até as pontas. Enxague bem, sem deixar resíduos”, afirma Ana Paula.

A Sra. Ana Paula explica com clareza qual a função dos parabenos. Entretanto, existe uma série de alternativas à esta classe de conservantes (parabenos), menos alérgicas e livres de dúvidas em relação à associação com desenvolvimento de câncer.

Apoiadíssima a posição de que shampoo foi feito para o couro cabeludo, até porque seu pH não costuma contemplar a acidez dos fios, fazendo com que as escamas da cutícula se abram desnecessariamente.

Descubra alguns Mitos sobre o pH dos Shampoos.

Sem sal é diferente de sem sulfato! 


Já o hairstylist Wagner Lisboa, do Esmell, afirma que os produtos "sulfato free", ou sem sal, não coneguem (sic) hidratar os fios, deixando-os mais ressecados. " Eeles (sic) têm uma ação adstringente, pouco hidratante, por isso não indico para quem tem escova progressiva ou outras químicas, pois este tipo de cabelo ainda vai sofrer mais com o ressecamento causado pelo sulfato”, comenta.


Sem Sal ou Sem adição de Sal se refere à abolição do uso de sal de cozinha (NaCl) como espessante em fórmulas cosméticas. Nos rótulos de cosméticos Sal e Sulfato são coisas completamente diferentes!

O sal é um espessante que, segundo pesquisa de 2010¹, piora o aspecto dos fios que passaram por tinturas, em especial as mechas castanho-claras. Segundo o mesmo artigo os cabelos virgens não apresentam nenhum dano adicional ao serem expostos ao shampoo com sal.

Os termos Sem Sulfato ou Sulfate Free se referem a ausência de determinados surfactantes agressivos da família dos Sulfos como o Sodium Lauryl Sulfate (SLS) e Sodium Laureth Sulfate (SLES) que, ao serem testados em laboratório, mostram-se mais agressivos à fibra capilar (usando-se teste de comparação de perda de proteínas entre surfactantes²) do que outros surfactantes.

Realmente, como o hairstylist afirma, os tensoativos suaves não são capazes de hidratar os fios mas os sulfatos também não o fazem. A hidratação não é função dos surfactantes (detergentes). Os agentes responsáveis pela hidratação são outros.

O que são agentes Hidratantes, Umectantes e Oclusivos?

Ao contrário do que foi sugerido, os shampoos sem sulfato são menos agressivos do que os tradicionais e são muito indicados para cabelos quimicamente tratados, já que o SLS e SLES causam maior perda proteica que outros surfactantes mais suaves.

A função do shampoo é de higienização, mas ela pode ser feita de forma menos agressiva usando produtos do tipo Sem Sulfato, que são os shampoos liberados para a técnica Shampoo Leve.

Quer ver outras respostas do Cabeleira em Pé à este tipo de matéria? Escolha um dos links abaixo:

Conclusão


Este tipo de texto acaba gerando confusão em quem está começando as técnicas, difundindo - ainda que sem nenhuma intenção - conceitos sem embasamento científico.

Apresentamos uma contra-argumentação baseada em estudos sérios, cujas referências se encontram no final deste texto e são sugestão de leitura para quem se interessar sobre o assunto.

Espero que o texto tenha dissipado quaisquer dúvidas daqueles que leram o artigo original da Caras e ficaram abalados.

Caso ainda exista alguma dúvida, use o espaço dos comentários para se manifestar, teremos prazer em ajudar.

E para descontrair, vamos usar o Boomerang do instagram da Sara do @cachosdesara que resume nossa reação ao ler o artigo pela primeira vez.

Um vídeo publicado por Sara. (@cachosdesara) em


Não deixe de curtir nossa Fanpage no Facebook


__________  
¹Zanatta, G., Onofre, T., Netz, D. J. A. & Moser, D. K. (2010). Avaliação da Integridade do fio de cabelo com a utilização de Xampu Espessado com Cloreto de Sódio ou com Hidroxietilcelulose. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Cosmetologia e Estética) - Universidade do Vale do Itajaí.
² Sandhu, S. & Robbins, C.R. (1993) A simple and sensitive method using protein loss mea- surements to evaluate surface damage to human hair. J Soc Cosmet Chem 44:163–175
³ Coelho, C. S. (2013). Parabenos : convergências e divergências científicas e regulatórias. Dissertação para título de Mestre em Toxicologia Aplicada à Vigilância Sanitária. Universidade Estadual de Londrina, Centro de Ciências da Saúde.

sábado, 27 de agosto de 2016

Resenha: Cowash e Pre Shampoo Tô de Cacho 2 em 1 Top - Salon Line

Compartilhe:

Frasco owash e Pre Shampoo 2 em 1 Top To de cacho da Salon Line (Tratamento pra arrasar)

A linha Tô de Cacho da Salon Line é composta por uma gama de produtos pensados para cabelos cacheados.

Entre os lançamentos de 2016 está um produto multifuncional que promete hidratar, nutrir e estimular o crescimento dos seus fios.

O 2 em 1 Top é um condicionador do tipo cowash que pode ser usado como pré-shampoo.

Com fórmula enriquecida com óleo de coco, D-pantenol e vitaminas A e E promete hidratar e proteger o comprimento dos fios - quando usado como pré-shampoo - bem como limpá-los e amaciá-los - quando usado como cowash.

Multifuncionalidade é um a das Vantagens Secundárias de se aderir as técnicas Sem Shampoo e Shampoo Leve.

pH: 5


Preço owash e Pre Shampoo 2 em 1 Top To de cacho da Salon Line (Tratamento pra arrasar)
Já discutimos em outras postagens que o pH em que o cabelo mantém sua maior resistência a úmido é no intervalo entre 4 e 6, o multifuncional está dentro deste intervalo, consequentemente o cabelo fica menos fragilizado durante a lavagem. ¹

Este pH (por ser levemente ácido) também previne o inchaço dos fios¹, ².

O pH ácido (abaixo de 7) fecha as escamas da cutícula e induz o brilho. ¹

Como o cowash entra em contato com o couro cabeludo, temos que levar em consideração a acidez desta região tão peculiar do nosso corpo cujo o pH é de 5,5¹, ², ³.

O produto é minimamente mais ácido que o pH natural do couro cabeludo. Sendo adequado para cowash.

Confira aqui nossa Lista de pH de produtos capilares. Ela é atualizada de tempos em tempos.

Produto vegano, liberado para Sem Shampoo e Shampoo Leve em junho/2016


A Salon Line afirma não conduzir nem terceirizar testes em animais e é uma empresa independente (não faz parte de nenhum conglomerado de empresas).

O SAC também garante que nenhum de seus fornecedores testa em animais. A marca tem em seu catálogo alguns produtos veganos, entretanto existem outros que contém insumos de origem animal (como o colágeno).

Este produto não possui nenhum ingrediente de origem animal. Consideramos veganos - aqui no Cabeleira em Pé - os produtos de empresas que não testam em animais em nenhum de seus processos e não possuem ingredientes de origem animal.

O 2 em 1 Top se encaixa nestes pré-requisitos sendo considerado um produto vegano.

Temos uma Tag específica para cosméticos veganos. Clique e confira.

O produto é liberado para Shampoo Leve (antes chamado de Low Poo) e Sem Shampoo  (No Poo) pois não tem nenhum ingrediente proibido para as técnicas.


Embalagem


owash e Pre Shampoo 2 em 1 Top To de cacho da Salon Line (Tratamento pra arrasar) Liberado para Shampoo Leve e Sem Shampoo
O frasco é cilíndrico e comprido, de plástico macio com a tampa bem dura.

O plástico macio facilita a retirada do produto (fica fácil apertar o frasco) já que o creme é bastante espesso.

O multifuncional tem 300ml em embalagem plástica e tampa disk top.

A tampa não é fixa (é do tipo rosca), facilitando a reutilização do frasco - solta a trilha da rainha da sucata!


Está procurando outras formas de proteger os cabelos além dos pré-shampoos? Conheça os penteados protetores, o segredo cabelos longos e saudáveis.

Composição


Muitas pessoas afirmam que para ser considerado cowash o condicionador deve conter agentes limpantes de caráter anfotérico.

Nos mantemos fiéis às nossas raízes ao afirmar que são adequados para cowash  os condicionadores que não possuem derivados proibidos de petróleo nem quaisquer tipos de silicones.

Quais os derivados de petróleo são proibidos para Low e No Poo? Descubra aqui.

Os agentes limpantes como a Cocamidopropil Betaína aumentam o poder de limpeza de um condicionador, mas também fazem com que esta higienização seja menos suave do que com condicionadores liberados para cowash e sem anfóteros.

Este produto, ao ser usado como cowash garante uma limpeza delicada e suavizante, pois possui ingredientes muito emolientes como os óleos de Coco e Murumuru.

Ao ser usado como pré-shampoo a variedade de agentes condicionantes vai ajudar a desfazer os nós e evitá-los durante a lavagem. O óleo de coco também se mostra um ótimo aliado neste tipo de tratamento que antecede a lavagem, pois previne perdas proteicas dos fios, fato comprovado em testes científicos.4

Composição owash e Pre Shampoo 2 em 1 Top To de cacho da Salon Line (Tratamento pra arrasar)


Está com o cabelo danificado, aposte em pré-shampoos com óleo de coco e busque Tratamentos com Proteínas para o cabelo.

Antes de irmos para a listagem dos ingredientes e suas funções, uma ressalva:

Damos as boas vindas a quem está lendo sua primeira resenha aqui no Cabeleira em Pé.

Quem é de casa já sabe e vamos explicar para você também: costumamos riscar dessa forma os ingredientes com funções como conservação e fragrância.

Não deixe de clicar nos links para obter mais informações sobre os termos técnicos disponíveis aqui no blog:

Ingredientes Cowash e Pre Shampoo 2 em 1 Top - Salon Line


Aqua: Água.

Disodium EDTA: Conservante. Quelante (Evita a deposição de resíduos). Diz-se que aumenta a capacidade de limpeza de produtos com este fim.

Cetrimonium Chloride: Agente Condicionante. Surfactante Catiônico. Emulsificante: Mantém o produto em uma fase só (água e óleos misturados). 

Cocos Nucifera Oil: Óleo de Coco.

BHT: Antioxidante, Agente de Fragrância.

Cetearyl Alcohol: É um álcool que amacia e condiciona cabelos. Emoliente.

Parfum: Perfume.
PEG-90M: Aglutinante. Estabilizante de Emulsão. Agente de Aumento de viscosidade.
Methylchloroisothiazolinone: Conservante.
Methylisothiazolinone: Conservante.

Orbignya Speciosa Kernel Oil: Óleo de coco Babaçu.

Astrocaryum Murumuru Seed Butter: Manteiga de Murumuru.

TBHQ: Antioxidante, Agente de Fragrância.

Ricinus Communis Seed Oil: Óleo de semente de mamona (Rícino).

Panthenol: Agente Condicionante. Antiestático.

Retinol: Vitamina A. Agente Condicionante.

Tocopheryl Acetate: Compostos químicos relacionados à Vitamina E. Agente Condicionante. Agente Oclusivo.

Hexyl Cinnamal: Fragrância
Linalool: Fragrância

Por que os óleos vegetais são bons para os cabelos e a pele?

Aparência geral (Textura, cor e cheiro) 


A textura do produto é líquida e levemente gosmenta, formando picos (menores do que as máscas-teia) quando friccionados entre as mãos úmidas.

O conteúdo é branco, brilhante e não escorre da embalagem (é preciso apertar).



O cheiro lembra iogurte e chiclete, bastante doce.

Modo de uso 


Cowash


Com os cabelos úmidos - lembre de economizar água fechando o chuveiro - espalhe com delicadeza o produto sobre a cabeça e faça aquele carinho que seu couro cabeludo merece.

A embalagem indica que o produto pode ser espalhado também pelos fios.

Enxágue em abundância.

Condicione caso seja necessário.

Cowash: Como fazer, Como começar, Como lavar corretamente, Como Potencializar e muito +. Descubra no link.

Pré-Shampoo 


Molhe os cabelos mas não os lave.

Espalhe o 2 em 1 Top no comprimento e pontas dos cabelos úmidos, massageando com muita delicadeza - mas muita delicadeza mesmo.

Deixe agir por aproximadamente 3 minutos.

Enxágue e lave com o shampoo de sua preferência, condicione depois de usar o shampoo.

A Salon Line lançou há pouco tempo uma série de óleos para umectação, confira aqui este e outros Lançamentos liberados para as técnicas Sem Shampoo (No Poo) e Shampoo Leve (Low Poo) .

Resultados


Cowash




Resultado owash e Pre Shampoo 2 em 1 Top To de cacho da Salon Line (Tratamento pra arrasar)
Como podem ver a raiz ficou soltinha e sem oleosidade.

É um produto bastante hidratante e emoliente.

Beneficiam-se deste tipo de produto as pessoas com cabelos secos, sem vida ou maltratados mecanicamente (escovação), pelo calor (chapinha, secador...) ou por algum tipo de química (tintura, permanente, relaxamento, alisamento...).

A limpeza é bem delicada sem prejuddicar a higienização.

Quem pratica a técnica Sem Shampoo não terá problemas ao usá-lo como principal higienizador do couro cabeludo.

Entretanto, quem usa produtos com silicones insolúveis (ou seja quem faz Shampoo Leve) deve usar o 2 em 1 Top intercalando (na frequência que achar conveniente) com o shampoo sem sulfatos agressivos, para evitar Acúmulo de Resíduos no Cabelo (ARC).

Veja aqui como descobrir se você sofre de ARC - Acúmulo de resíduos nos cabelos (Build up).

Pré Shampoo


A motivação para usá-lo como pré-shampoo surgiu quando meu shampoo sem sulfato começou a ressecar as pontas dos meus cabelos (que não veem uma tesoura há meses).

O resultado foi bastante satisfatório. O aspecto espigado das pontas diminuiu muito.

Infelizmente não foram tiradas fotos do antes então contentem-se com as imagens do depois nesse vídeo.


Se você gostou do vídeo, não deixe de se inscrever em nosso canal.


Preço e onde encontrar


Os produtos da linha Tô de Cacho podem ser encontrados em casas de cosméticos e diversas lojas online.

A marca também possui loja própria, onde são encontrados todos os produtos da marca.

O preço sugerido é de R$14,90.

Não esqueça de nos acompanhar no 
Youtube, Twitter, Facebook e Instagram:
 
__________
¹ Kumar, A. & Mali, R. R. (2010). Evaluation of prepared shampoo formulations to compare formulated shampoo with marketed shampoos. International Journal of Pharmaceutical Sciences Review and Research v03 e01.
² Mainkar, A. R. & Jolly, C.I. (2001). Formulation of natural shampoos. International Journal of Cosmetic Science v23 e01.
³ Dias, M. F. R. G. & cols. (2014).The Shampoo pH can Affect the Hair: Myth or Reality? Int J Trichology. 2014 Jul-Sep; 6(3): 95–99. doi: 10.4103/0974-7753.139078
4 Rele, A.S. & Mohile, R.B. (2003). Effect of mineral oil, sunflower oil, and coconut oil on prevention of hair damage. Journal of Cosmetic Science v.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Gel ou Creme esfarelando na finalização - O que fazer?

Compartilhe:
Mulher com cabelo cacheado do seu corpo saem pedacinhos.

Mais de uma pessoa nos procurou no Facebook pedindo dicas de como fazer para se livrar da falsa-caspa que a finalização com gel estava deixando em seus cabelos.
 Este post nasceu destas interações.

Quem nunca fez aquela finalização bacana com creme de pentear e gel (quem sabe até uma fitagem), e quando o cabelo secou ficou cheio de pontinhos brancos, variando de farelinhos até pequenas bolinhas?

Você tenta dar outra chance ao produto, muda a quantidade de gel na semana seguinte e... Acontece a mesma coisa!

"Esse gel é uma porcaria", você pensa, e deixa de usá-lo.

Bem... nem sempre a culpa é do gel.

Atrás do seu gel do coração? Veja neste post 6 opções liberadas de gel líquido para seus cabelos.

Por que o gel vira farofa no meu cabelo?


Nem sempre é por esse motivo que vamos explicar agora, mas na maioria das vezes é:

As bolinhas estão se formando porque o gel não é quimicamente compatível com algum outro produto usado no seu cabelo.

Como assim?

Seu condicionador ou creme de pentear podem ter determinados ingredientes que não interagem bem com alguns ingredientes do gel.

Não deixe de ler a Resenha da Gelatina Tô de Cacho Não sai da Minha Cabeça da Salon Line.

Por esse motivo salientamos acima que a culpa não é exclusivamente do gel.

É como um casal de namorados que não param de brigar, eles terminam e arranjam outros parceiros com quem se dão bem.

Da mesma forma seu gel, que não se dá bem com seu creme de pentear, pode começar uma relação duradoura com outro creme de pentear, e vice-versa.

E agora? Devo pentear o cabelo molhado ou seco?

Como saber se o meu gel combina com o meu creme?


Encontramos um vídeo¹ de uma blogueira chamada Kriss do canal americano NaturalMe4C fazendo uma experiência bem bacana.

Segundo ela, você pode testar a compatibilidades dos produtos antes de colocar nos cabelos.

Coloque um pouco de creme e um pouco de gel nas suas mãos e esfregue-as. Se eles forem incompatíveis, já nas suas mãos você notará a formação das bolinhas brancas (O link das referências está no ponto exato do vídeo em que ela testa um gel e um creme que não dão certo juntos).

Fugindo dos proibidos? Descubra neste link 7 opções de Hidratantes labiais (Lip Balm) sem petrolatos.

Não uso creme de pentear, só o gel e fico com o cabelo cheio de farelinhos


Isso pode ser culpa de outro produto.

Os produtos com enxágue não são totalmente removidos com a água do chuveiro.

Não conhece todas as funções dos agentes condicionantes
Clique aqui e descubra.

O mesmo pode acontecer com quem só faz cowash.

Pelo mesmo motivo: Você enxagua os fios, mas uma série de substâncias que fazem parte dos condicionadores ficam ligadas aos fios mesmo após o enxágue.

E essas substâncias podem interagir com outras do gel, formando os resíduos brancos que ficam nos seus cabelos.

Não conhece a Seiva Modeladora de Curvas DNA do Cacho? Leia a resenha deste produto profissional da Salon Embelleze aqui.

Já testei e não é incompatibilidade entre os dois produtos


Fiz o teste nas mão e não se formaram grumos. Quais são as outras possibilidades?

Você pode estar usando a quantidade errada


Talvez você esteja usando muito creme para pentear.

Isso acontece em especial se o produto for rico em formadores de filme.

O que são Agentes Condicionantes Formadores de Filme?

Tente pegar mais leve com o creme para pentear.

Se uma quantidade pequena for difícil de espalhar no cabelo todo (que invejinha de você agora...) a solução é diluir em um tantinho de água para fazer um pouquinho de creme render para o cabelo todo.

Tente a técnica L.O.C


Finalização conhecidíssima e ressucitadora no day-after o L.O.C. consiste na aplicação dos seguintes produtos nesta exata ordem:

1) Borrife ou espalhe um líquido (L) sobre os fios (água, soro, hidrolato, chá...);

2) sobre os cabelos umedecidos pela etapa anterior aplique um óleo (O) (azeite de oliva, óleo de semente de uva, óleo de coco ou óleos de finalização);

Atualizamos com frequência nossa
 Lista de Óleos Vegetais com suas indicações para cabelo e pele.

3) por último aplique seu creme (C) de pentear favorito

Essa técnica costuma funcionar quase sempre. Não é à toa que ela é uma das favoritas das cacheadas.

E você tem uma dica infalível para esse problema? 
Deixe sua sugestão nos comentários abaixo 
ou divulgue-os em nossas redes sociais:

__________
¹ Vídeo: 4C Natural Hair - Avoiding Flakes & Balls of "Goo" In Hair When Mixing Products - NaturalMe4C

sábado, 20 de agosto de 2016

Transi(inspira)ção - Atletas Olímpicas - Parte 2

Compartilhe:
Logo Transi(inspira)ção amarelo com aneis olímpicos
Segunda parte de atletas olímpicas e seus cabelos inspiradores!

Quem está acompanhando os Jogos Olímpicos certamente já viu algum cabelão pra deixar suspirando.

Seja ondulada, cacheada ou crespa, o Transi(inspira)ção é essa colcha de retalhos mesmo. Tem inspiração para todo o tipo de transição!

Veja algumas edições anteriores do Transi(inspira)ção:




Já falamos disso na primeira parte do Transi(inspira)ção que falava sobre os cortes de cabelo da delegação brasileira nas Olimpíadas, diferente de outras edições, não usaremos uma montagem com as fotos das atletas.

No lugar da montagem usaremos uma foto das contas de instagram das musas de hoje, assim vocês podem seguir aquelas que vocês mais curtiram.

Junto das fotos estão algumas das conquistas dessas esportistas.

Falando nisso, você já nos segue no Instagram? 
Acompanhe nosso conteúdo em sua rede social favorita:

Babi - Handebol



Ouro: Pan-americano Guadalajara 2011

Ouro: Pan-americano Toronto 2015

Ouro: Sul-americano Santiago 2014

Campeã mundial 2013

Campeã pan-americana 2011

Campeã pan-americana 2013

Campeã sul-americana 2013

Nathalie Moellhausen - Esgrima



Bronze (individual): Pan-americano Toronto 2015

Bronze (por equipe): Pan-americano Toronto 2015

Campeã (equipe) mundial 2009

Vice-campeã (equipe) mundial 2010

3ª colocada (individual e equipe) no mundial 2011

Campeã pan-americana 2015

Rafaela Silva - Judô



Ouro: Jogos Olímpicos Rio 2016

Bronze: Pan-americano Toronto 2015

Prata: Pan-americano Guadalajara 2011

Campeã mundial 2013

Vice-campeã mundial 2011

Vice-campeã (equipe) mundial 2013

Campeã pan-americana 2012

Campeã pan-americana 2013

Maria Clara Lobo - Nado Sincronizado



Pentacampeã (equipe) sul-americana 2011, 2013, 2014, 2015 e 2016

Tricampeã (dueto) sul-americana 2011, 2013 e 2014

Bicampeã (solo) sul-americana 2013 e 2014

Vice-campeã (dueto) pan-americana 2011

Vice-campeã (dueto) pan-americana 2013

3ª colocada (solo) no pan-americano 2013

Etiene Medeiros - Natação



Ouro (100m costas): Pan-americano Toronto 2015

Prata (50m livre): Pan-americano Toronto 2015

Bronze (4x100m livre e 4x100m medley): Pan-americano Toronto 2015   
  
Vice-campeã (50m costas): Mundial de Kazan 2015

Campeã (50m costas e 4x50m medley misto): Mundial de Doha 2014

3ª colocada (4x50m livre misto): Mundial de Doha 2014

Fernanda Garay - Vôlei


Uma foto publicada por Fe Garay (@fegaray) em


Ouro: Jogos Olímpicos Londres 2012

Ouro: Jogos Pan-americanos Guadalajara 2011

Prata: Jogos Pan-americanos Toronto 2015

Tricampeã do Grand Prix 2013, 2014 e 2016

Campeã da Copa dos Campeões 2013

Vice-campeã no Mundial do Japão 2010

Passando pela Transição, experimente o Transi(inspira)ção, o Espaço de Inspiração para todo o tipo de Transição .

Graciele Hermann - Natação



Prata: (50m livre e 4x100m livre) Pan-americano - Guadalajara 2011

Bronze: (4x100m livre) Pan-americano - Toronto 2015

Ouro: (50m livre e 4x100m livre) Sul-americano - Santiago 2014

Prata: (100m livre) Sul-americano - Santiago 2014

Amanda Oliveira - Polo Aquatico



Bronze: Pan-americano - Guadalajara 2011 

Bronze: Pan-americano - Toronto 2015

Ouro: Sul-americano - Medellín 2010

Tetracampeã sul-americana (2004, 2006, 2008 e 2014)

Vice-campeã no sul-americano (2012)

Haline Scatrut - Rúgbi



Bronze: Pan-americano - Toronto 2015

Campeã do torneio Valentín Martínez 2014

3ª colocação no mundial universitário 2014

Luiza Campos - Rúgbi



Ouro: Sul-americano - Santiago 2014

Tricampeã do torneio Valentín Martínez (2013, 2014 e 2015)

Campeã brasileira 2014

Ágatha - Vôlei de Praia



Campeã do Circuito Mundial 2015

Vice-campeã do Circuito Mundial 2014

3ª colocada no Circuito Mundial 2013

Campeã mundial na Holanda 2015

3ª colocada no Mundial da Polônia 2013

É assim que o  Cabeleira em Pé se despede da versão Olímpica do clipping Transi(inspira)ção.

Lembrou de um atleta com o cabelo lindão?

 Deixa a dica aí nos comentários!

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Moana, a nova princesa cacheada da Disney - Mini-Cabeleira

Compartilhe:
Moana Bebê

Princesa nova na Disney? Sim! Deem as boas-vindas à nova representante das Cacheadas


Mamães e papais, gravem este nome: Moana.

Não temos muito material divulgado sobre este lançamento da Disney, mas os nomes envolvidos na construção desse filme prometem material de qualidade.


Os criadores


Os diretores são os mesmos de A Princesa e o Sapo e A pequena Sereia.

O filme foi coescrito pelos diretores e os  irmãos Kandell - gêmeos de origem polinésia que trazem ao roteiro os aspectos da cultura de seu país.

A trilha sonora é coassinada por Lin-Manuel Miranda, vencedor de dois Tonys (grande prêmio para produções teatrais), um Pullitzer (prêmio de literatura), um Emmy (prêmio para shows televisivos) e dois Grammys (troféu do mundo musical).

Se ele vencer um Oscar com a trilha de Moana, será uma das 4 únicas pessoas a ter recebido os 5 prêmios - essas pessoas são conhecidas como PEGOT, acrônimo das 5 premiações.

As vozes da versão original são emprestadas por estrelas como Dwayne The Rock Johnson, Alan Tudyck, Nicole Scherzinger e a estreante Auli'i Cravalho no papel de Moana.


Nosso perfil no Instagram está cheio de dicas imperdíveis. Segue a gente! Instagram do Cabeleira em Pé: Clique Aqui!

A protagonista


Moana significa mar tanto na Nova Zelândia quanto no Havaí.

A história gira em torno da jovem polinésia, nascida de uma linhagem de grandes navegadores em uma tribo da Oceania.

Auxiliada por Maui (figura mitológica da região) e os hilários Pua e Hei Hei (um porquinho e um galo), Moana embarcará em uma jornada épica pelos mares do Pacífico.

http://disney.tumblr.com/post/145620435642/the-ocean-is-calling-moana-opens-november-23-with

Representatividade


Diferente da protagonista de Lilo e Stitch que também é polinésia, Moana entra no time das Disney Princesas - uma das franquias mais bem sucedidas da empresa, o que garante à cacheada muitas possibilidades de licenciamento de produtos (bonecas, cadernos, livros...).

Como consumidores, moldamos o mercado. Falamos dos aspectos sociais ligados às técnicas sem Shampoo e Shampoo Leve neste texto.

Esse fato pode ser entendido como um movimento feito pela franquia Disney Princesas para continuar diversificando esse grupo, bastante criticado no passado por parecer pouco heterogêneo.

Mas não são somente os traços, cor de pele e textura de cabelos que vêm mudando. Aspectos da personalidade das princesas dos últimos filmes da Disney também têm fugido do lugar-comum abrindo espaço para mulheres independentes, proativas e que têm outras aspirações além de um príncipe encantado.

Uma foto publicada por Disney (@disney) em

A nova princesa seguirá a tendência de diversificação do comportamento. Um dos produtores (Osnat Shurer) descreve Moana como uma jovem durona, decidida e interessante.

Não se pode duvidar disso quando descobrimos que ela partirá em uma aventura em busca de suas raízes. Para ajudar a sua família a jovem navegará Pacífico adentro em busca de uma ilha mítica de localização desconhecida.

O filme tem estreia prevista apenas para Janeiro de 2017 no Brasil (Novembro nos EUA).

Moana é um reforço às frentes que buscam a representatividade e multietnicidade dos modelos apresentados às nossas crianças pelo cinema.

Fiquem de olho: Essa cacheada pode acabar conquistando o coração dos seus filhos!

Não deixem de conferir abaixo o trailer dublado de Moana - Um mar de aventuras:


terça-feira, 16 de agosto de 2016

Perfumaria: Como fazer compras em paz

Compartilhe:
Loja de cosméticos com telhado rosa, paredes verdes, cerca e vitrine

Há uma ou duas semanas atrás, esbarramos em uma postagem em um grupo no Facebook que falava do terror que pode se transformar uma ida à perfumaria.

Quando começamos as técnicas, é natural que passemos um tempo extra na farmácia ou no corredor de higiene do supermercado.

A insegurança se soma à falta de prática e a decisão de compra que era feita em poucos minutos, agora demora um quarto de hora.

A escolha que antes se dava na rápida leitura da parte da frente dos frascos, agora precisa passar pela análise das letras miúdas na parte de trás dos produtos.

Mas sabemos que nem todos os cosméticos que desejamos são encontrados nas prateleiras dos supermercados e farmácias.

Não perca o post de Produtos para cowash encontrados em supermercados e farmácias.

Se você quer ver alguém que faz Shampoo Leve (Low Poo) e Sem Shampoo (No Poo) se comportar como em um parque de diversões, deixe essa pessoa livre em uma loja de cosméticos.

Se bem que nesses lugares, dificilmente podemos ficar livres, já que - na maioria das vezes - temos companhia desde a entrada da loja.

Atendentes de perfumaria podem ser o verdadeiro pesadelo de quem faz as técnicas, por isso reunimos algumas dicas para vocês que como nós, gostam de ficar à vontade em busca da composição perfeita (e liberada!).

Confira aqui Lançamentos e Novidades liberadas para as técnicas Sem Shampoo (No Poo) e Shampoo Leve (Low Poo).

Compre pela internet

Mulher comprando produtos liberados para Shampoo leve e sem shampoo em loja online



Se a abordagem de quem vende te irrita muito, talvez as compras online sejam a melhor escolha.

Em lojas virtuais a compra é feita sempre através do autoatendimento.

Existem lojas virtuais totalmente dedicadas às rotinas No Poo (Sem Shampoo) e Low Poo (Shampoo Leve).

Uma dessas lojas especializadas em produtos para quem faz No Poo e Low Poo é a JuBe: confira a nova loja e aproveite o desconto de até 10%*

Só estou dando uma olhadinha

Detetive com lupa analizando ponto de interrogação

Às vezes funciona.

Na maioria das vezes não.

Não custa tentar.

Importante: Se não funcionar, troque de estratégia por uma das seguintes.


Garanta a comissão da vendedora


Máquina Registradora

Quando a vendedora ou vendedor oferecer ajuda, lembre-se que talvez essa pessoa receba comissões pelas vendas intermediadas por ela.

Para que tanto você quanto quem trabalha na perfumaria fiquem satisfeitos, anote o nome do indivíduo que lhe abordar e diga que não esquecerá de informar ao caixa por quem foi feito seu atendimento.

Se, enquanto você estiver conferindo as composições dos produtos, outra pessoa lhe abordar apenas diga que seu atendimento foi feito por <nome que você anotou>.

Importante: Não esqueça de dizer quem lhe atendeu quando passar suas compras no caixa. Foi graças a esta pessoa que você fez suas compras em paz.

Conheça a nova família de produtos profissionais para cabelos Cacheados: Linha DNA do Cacho da Salon Embelleze. Clique e conheça todos os produtos.

Use fones de ouvido

Menino ouvindo música com fones de ouvido vermelhos

Normalmente o uso de fones de ouvido em espaços de convivência é considerado rude.

Entretanto na situação que estamos discutindo é justamente a ideia que você quer passar.

Os fones são quase como uma placa que diz: Não estou disponível.

Dica: Ao usar fones, não esqueça do mundo à sua volta!

Falando em música, a cultura pop está cheia de Inspirações para quem está em transição. A gente reúne elas no espaço Transi(inspira)ção.

Diga que trabalha em um salão de beleza


Cabeleireira loira atende cliente morena. Salão que faz No Poo e Low Poo (que mudou de nome para Sem Shampoo e Shampoo Leve)

Mentir não é uma opção para todos, mas quem se sente à vontade pode dizer que não precisa de ajuda pois é profissional da área.

Diga que trabalha em um salão de beleza e está em busca de fórmulas específicas.

Pode até dizer que está atrás de produtos sem petroderivados e sulfatos.



Alergia

Monstrinho da Alergia

"- Oi... Precisa de ajuda? Temos uma promoção ótima de Máscara de Parafina por R$299,90.

- Olá, agradeço a tua atenção mas infelizmente tenho alergia de uma série de ingredientes cosméticos. Vou continuar olhando as composições aqui para ver se encontro algo que eu possa usar. Se eu tiver alguma dúvida eu te chamo. Qual o seu nome?"

Funciona quase sempre.

Dica: Você pode combinar essa abordagem com aquela que garante a comissão da vendedora.

Afinal de contas Petrolato faz mal pro cabelo?

Não seja egoísta: Explique o que são as técnicas


Menina foi fazer compras para o cabelo e está cheia de sacolas de produtos liberados para No Poo e Low Poo
A verdade é sempre uma opção.

Está com tempo e paciência? Fale sobre No Poo e Low Poo para quem está lhe atendendo. A pessoa pode se interessar.

Você provavelmente descobriu as técnicas de forma inusitada e talvez através de alguém que você não conhecia.

Lembre-se que este movimento tomou forma e se tornou popular em nosso país especialmente dessa forma, nas trocas entre pessoas que buscavam uma forma de tratarem seus cabelos com mais carinho.

Você pode estar ajudando alguém, e se esse alguém trabalha em uma perfumaria, isso pode garantir que suas visitas à loja deixem de ser tão traumáticas.


Quer receber as atualizações do Cabeleira em Pé por e-mail? Preencha o campo abaixo, clique em "Quero me inscrever!" e siga as instruções da página que será aberta. Não esqueça de confirmar a inscrição clicando no link enviado para o seu endereço eletrônico (verifique também a sua caixa de spam).


__________
*Para compras pagas por PayPal, por tempo limitado.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...