terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Nem todo shampoo sem Sulfato é liberado para Low Poo - Entenda

Compartilhe:
shampoo sem sulfato nem sempre é liberado para Low Poo - cuidado com o olefin Sulfonate

Todo o shampoo sem sulfato é liberado para Low Poo? A resposta curta é: NÃO


Com a popularização das rotinas No Poo e Low Poo, as prateleiras vêm ganhando cada vez mais selos do tipo "livre de..."

São produtos com promessas de silicone-free, livre de parabenos, sem proibidões e é lógico, o "vilão" das  técnicas No Poo e Low Poo: sem sulfato.

PARABENOS: Fazem mal? Dá câncer? Provoca Alergia? É um desregulador endócrino? Mimetiza o estrogênio? Penetra no corpo através da pele? Faz mal pro meio ambiente? Descubra neste link.

Mas o fato de um shampoo ser sem sulfato garante que ele será menos agressivo com os fios?

E quanto ao tão falado Olefin Sulfonate, ele é liberado ou proibido para Low Poo?

Antes de explicarmos mais detidamente o que vocês já sabem pelo subtítulo do post de hoje, gostaríamos de fazer uma clarificação em relação ao termo sulfato.

Descubra A verdade assustadora sobre o pH de shampoos no Brasil.

O que são sulfatos?

Nem todo o shampoo sem sulfato é liberado para Low Poo: fique de olho!

O termo sulfato tem sido bastante usado na internet em discussões a respeito de cuidados com os cabelos.

O problema é que muitas vezes o termo é usado de forma incorreta.

Sulfato não é sinônimo de detergente - como muitas pessoas pensam.

Os ingredientes responsáveis pela limpeza (dos cabelos, da pele, das roupas, da louça...) podem ser chamados de: detergentes, surfactantes ou tensoativos.

Os sulfatos - portanto - são um pequeno grupo de tensoativos e existem (mesmo entre eles) diferenças na potência oferecida pela sua limpeza.


O que é sem sulfato?


Feito este esclarecimento sobre a diferença entre surfactante e sulfato, podemos discutir o que de fato quer dizer: sem sulfato.

Se existem várias classes de detergentes além dos sulfatos, a lógica nos leva a crer que os shampoos sem sulfatos são aqueles livres deste grupo de tensoativos.

Então a inscrição "sem sulfatos" é - em teoria - a indicação de que aquele produto não contém surfactantes da família dos sulfatos.

Muitas empresas levam estas inscrições a sério - até mesmo ao pé da letra (falaremos disso adiante) - e outras parecem não fazer ideia do que se trata.

Infelizmente, não se pode confiar cem por cento na inscrição "sem sulfato" em rótulos de shampoos pois já recebemos mais de uma fotografia de marcas que insistem em subestimar nossa inteligência.

São produtos com selos de "sem sulfato" em letras garrafais e nas letras miúdas da composição nossos amigos sulfatos estão no mesmo lugar de sempre.

Descubra neste link 7 termos que você e a indústria cosmética podem estar usando de formas distintas. Atenção especial para os itens 2 e 7.

Sem Sulfato quer dizer que o produto é liberado para Low Poo?


Os dizeres "sem sulfato" - infelizmente - não garantem que um produto seja liberado para Low Poo.

Isso porque existem surfactantes de outras famílias tão ou mais agressivos que os tensoativos conhecidos como sulfatos.

É aqui que vamos falar de empresas que entendem o termo sem sulfato ao pé da letra.

Há uma série de shampoos sem sulfato no mercado que contém outros surfactantes inadequados para quem faz Low Poo.

Isso não é má fé, na maioria dos casos, já que existem diversos fatores para deixar de usar sulfatos além do Low Poo (alergia, ecologia, ideologia...).

Existem shampoos sem sulfatos produzidos para outros públicos - que não o Low Poo - e estes produtos podem conter surfactantes agressivos para os fios.

Um dos exemplos mais comuns de surfactante agressivo usado em shampoos sem sulfato é o Olefin Sulfonate.


Está gostando deste texto? Curta nossa página no Facebook e não perca nenhuma atualização do Cabeleira em Pé:



O que é Olefin Sulfonate: Ele é Liberado ou proibido para No Poo e Low Poo?

Low Poo - Cuidado com o Olefin Sulfonate (c12, c13, c14, c15, etc)

Muitos produtos sem sulfatos contem um surfactante com sufixo Olefin Sulfonate.

O prefixo varia mas segue (quase sempre) a mesma linha, alguns exemplos são:

  • Sodium C12-14 Olefin Sulfonate
  • Sodium C13-15 Olefin Sulfonate
  • Sodium C14-18 Olefin Sulfonate
  • Sodium C16-18 Olefin Sulfonate

Quanto menores os números após o C, maior a tendência dele ser agressivo.

Este "C" antes do Olefin Sulfonate, se refere à cauda de carbono, e o número ao lado dele se refere à quantidade de carbonos desta cauda.

No primeiro caso - por exemplo - O Olefin Sulfonate usado no produto é uma mistura deste surfactante em versões com 12, 13 ou 14 carbonos de cauda - tudo misturado.

Sua irritabilidade é similar à do Sodium Lauryl Sulfate - severa após um dia³ - e sua estrutura é muito semelhante à do Sodium Lauryl Sulfate (uma cabeça de oxigênio grande e uma cauda de carbono curta) - em especial na versões C12-14 Olefin Sulfonate e C13-15 Olefin Sulfonate.

Todo mundo sabe que osShampoos com Sulfatos são proibidos para No Poo e Low Poo, mas será que os condicionadores com sufatos são liberados? Descubra neste link.

Por que usar shampoos sem sulfato?


O motivo pelo qual Lorraine Massey - a compilo-organizadora das rotinas que conhecemos por No Poo e Low Poo - condenou o uso dos sulfatos em shampoos tem a ver com o resultado obtido com a utilização destes ingredientes.¹

Ela cita a aparência dos fios após o uso de shampoos com ingredientes como Sodium Lauryl Sulfate, Ammonium Laureth Sulfate e Soudium Laureth Sulfate: secos, opacos (sem brilho) e sem vida.¹

Os cabelos não precisam - segundo observações de Massey - ser completamente despidos de seus óleos naturais a cada lavagem e suas afirmações se estendem também para a pele.¹


A posição de Audrey Davis Sivasothy é praticamente a mesma: Ammonium Laureth SulfateAmmonium Lauryl SulfateSodium Lauryl Sulfate e Soudium Laureth Sulfate são ingredientes que limpam os cabelos em demasia.² Esta sobrelimpeza é desnecessária.

A ressalva que a autora faz - entretanto - é que não é apenas a presença ou ausência de sulfato que faz do shampoo uma pior ou melhor alternativa, entretanto desaconselha o uso de sulfatos se você lava os cabelos uma ou mais vezes por semana.²

As duas autoras citam basicamente os sulfatos nominalmente, mas o que ambas observam como resultados a serem evitados estão ligados à agressividade de outros surfactantes.

Crescimento Capilar também depende da escolha de um bom Shampoo. Descubra aqui o motivo para escolher um Shampoo Sem Sulfato.

Nos shampoos liberados para Low Poo, procuramos fugir de quaisquer tensoativos cuja agressibilidade seja comparável à dos sulfatos, ou seja, buscamos fórmulas com surfactantes suaves.

Infelizmente o termo surfactante suave não tem definição científica, o termo é usado em artigos científicos para se referir aos surfactantes que não irritam a pele, àqueles que não causam dermatite de contato, que não ardem em contato com os olhos ou que evitem a disrupção da barreira cutânea.⁴

Por esses motivos, entendemos que nem todo shampoo sem sulfato é liberado para Low Poo.


Há uma série de produtos que contém tensoativos tão - ou mais - irritantes que os sulfatos, e por isso também devem ser evitados por quem busca alternativas mais suaves de limpeza.

O consenso entre quem pratica Low Poo é de que se não usamos sulfatos, os demais surfactantes análogos a ele também devem ser evitados.

A maioria das tabelinhas espalhadas pela internet é confiável e contém (além dos sulfatos) outros surfactantes agressivos a serem evitados.

Por esse motivo, não compre um shampoo sem sulfato sem antes verificar a composição com calma, porque agora você já sabe: Sem Sulfato não é sinônimo de Liberado para Low Poo.


__________

Referências


¹ Massey, L., & Bender, M. (2010). Curly Girl: The Handbook. (Expanded S). New York: Workman Publishing Company.
² Davis-Sivasothy, A. (n.d.). The science of black hair : a comprehensive guide to textured hair care.
³ Rhein, L. D., Robbins, C. R., K, F., & R, C. (1986). Surfactant structure effects on swelling of isolated human stratum corneum. J. Soc. Cosmet. Chem., 139(June), 125–139.
⁴ Cornwell, P. A. (2017). A review of shampoo surfactant technology: Consumer benefits, raw materials and recent developments. International Journal of Cosmetic Science, 16–30. https://doi.org/10.1111/ics.12439
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...